Bomba Relógio que algum dia ia explodir, explodiu na SEPDA (Posto de Bonsucesso)

Pessoas,

Há muito tempo que recebemos denúncias difíceis de serem apuradas, referentes ao posto de Bonsucesso da SEPDA. Essas denúncias envolvem a venda de vagas para a castração, uso político do posto, abandono de animais e muito mais.

Como eu menciono, são denúncias graves, mas absolutamente difíceis de serem apuradas.

Nessa data, ocorreu um fato grave nesse posto. Segundo relatos da protetora Marli Moraes, houveram as demissões das funcionárias Glória e de sua filha que, segundo informações da Marli eram funcionárias dedicadas que chegavam a esconder animais para que não fossem depositados de volta nas ruas.

Essa demissão teria gerado um confronto entre as referidas funcionárias e a chefe do posto, Dra. Luciana que, teria chegado às vias de fato. Me parece que nesse momento a chefe do posto se dirigiu a Deleacia Policial para prestar queixa de agressão contra as ex-funcionárias.

Dentre outros pontos, me causa espanto as palavras do representante da SEPDA que cuida da página dessa instituição na Rede Social FaceBook:

“A causa da demissão de ambas seguem explicações puramente administrativas, relativas aos andamento do posto e o respeito aos procedimentos, que não cabem ser expostas em um espaço público, pois apenas abalariam a reputação de nossas ex-funcionárias.”

Ou seja, para o bom entendedor, um pingo é letra: Eles mencionam que não comentarão para não abalar a “imagem” das ex-funcionárias, mas só essa colocação já abre espaço para que essa imagem seja questionada!

Segundo ainda a Marli, a demissão teria se dado em função da tentativa de manobras politiqueiras envolvendo um atual Vereador que entrou em vaga suplente e se diz protetor de animais e uma candidata a vereadora no próximo pleito.

Estamos por aqui aguardando o desenrolar desse “embrólio” para podermos informar nossos leitores, mas seja como for, isso só demonstra a conturbada administração da SEPDA que, como já mencionamos por várias vezes, deveria se preocupar em fazer o trbalho para o qual foi criada e é obrigada pela Constituição Federal, mas ao invés disso, tem sido usada desde sua criação como moeda política…

Pobres de nossos animais!

 

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Add a Facebook Comment

Deixe uma resposta