Primeiras notícias efetivas sobre o caso da Mulher Monstro de Goiás

Bom, apesar de discordar até da matemática do Delegado entrevistado (isso sem falar no português) visto afirmar que a Lei de crimes ambientais prevê pena de 1 ano e meio, quando na verdade é de 3 meses a 1 ano, em caso de morte sendo majorada em 1/3, sou seja, em minha matemática 1/3 de 12 meses seriam mais 4 meses e não 6, edito aqui o primeiro Vídeo sobre as investigações.

Há de se atentar para o fato de que consideram o Twitter informado como verdadeiro, mas muitos na internet alegam ser falso, até pq no perfil aparece a frase “amo meus filhos”, quando na verdade a acusada só possuiria 1 filha de 3 anos de idade.

Para vcs o vídeo em questão:

 

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Add a Facebook Comment

Deixe uma resposta