Zoológico é autuado por repassar animais sem autorização no Rio

Só eu disse que lá tinha tráfico de animais… eu avisei as autoridades, o MP, o IBAMA… mas ninguém seguiu adiante!

Agora a verdade aparece!

Não quero louros, apenas sinto pois, mais de um ano depois, quantos animais também não terão sido “entregues” a terceiros particulares???

Algum dia eu terei voz ativa, e nesse dia, muita coisa vai aparecer!

Para quem não lembra, olha a prova aqui: http://www.fabianojacob.com.br/2011/04/zoonit-chimpanze-jimmy-e-a-historia-que-ninguem-conhece-sobre-essa-instituicao/

(do Jornal de Floripa)

O zoológico de Niterói foi autuado nesta quarta-feira em R$ 1,032 milhão por
receber animais e deixá-los aos cuidados de terceiros sem autorização. A
autuação ocorreu durante operação do Ibama que contou com o apoio da Polícia
Federal, do Batalhão Florestal da PM e da Advocacia Geral da União.

O zoo teria enviado 490 animais que recebeu para particulares. A Polícia
Federal deve ser acionada pelo Ibama para investigar a suspeita de tráfico de
animais.

“Alguns animais a gente não vai mais recuperar. O zoológico informava que
havia mandado para uma pessoa, íamos lá e ela não tinha recebido nada”, contou a
chefe substituta de fiscalização e área técnica do Ibama no Rio, Lisia Vanacôr.

O zoo de Niterói, que deve fechar até agosto, por determinação da Justiça,
também foi autuado em R$ 9.000 por maus-tratos de animais que guardava. Vanacôr
informou que uma fragata estava com uma pata necrosada e outra ave foi achada
com um osso exposto por veterinários do instituto.

Um leão que já havia sido retirado do zoológico e enviado para o de Brasília
morreu logo ao chegar, de câncer na boca, lembrou Vanacôr.

Segundo ela, o Ibama vem retirando animais do zoo de Niterói desde o ano
passado. Hoje, entre 7h e 11h, foram resgatados um leão, várias aves, 40
macacos-prego e o chimpanzé Jimmy, um dos animais mais conhecidos do lugar.

Eles serão enviados para o GAP (Grupo de Apoio aos Primatas), entidade de
proteção aos animais de Sorocaba (99 km de SP).

Vanacôr afirmou que animais eram deixados indevidamente no zoo depois de
apreendidos pelo Batalhão da Polícia Florestal, a Polícia Civil ou o Corpo de
Bombeiros. Depois, o zoo de Niterói, sem ter autorização do Ibama, os deixou
indevidamente sob a guarda de terceiros.

Ela afirmou que o Ibama tem um centro de recepção em Seropédica, para onde
devem ser enviados os bichos apreendidos pelas autoridades.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Add a Facebook Comment

Uma resposta para Zoológico é autuado por repassar animais sem autorização no Rio

  1. DBARROS diz:

    A FRASE:
    “O zoo teria enviado 490 animais que recebeu para particulares. A Polícia
    Federal deve ser acionada pelo Ibama para investigar a suspeita de tráfico de
    animais.”

    Parece até piada pois na verdade os animais devem é ter sido vendidos, opah!!!! No Bwana Park, há mais de 10 anos ocorreu a mesma coisa, foi constatado tráfico de animais, NOSSA!!! Que consciência o veterinário era o mesmo! Já é hora de uma investigação mais apurada por parte do IBAMA e do MP.

Deixe uma resposta