Tartarugas marinhas aparecem doentes em praias de Porto Seguro

Faz tempo que eu, e uma cambada de “loucos” ambientalistas estamos avisando… o mar vai acabar….!!!!

Cadê o saneamento ambiental? Cadê as autoridades? Aqui no RJ inventamos um tal de emissário submarino de Ipanema que, depois de mais de 20 anos está acabando com o recem criado Monumento Ambiental das Cagarras… sem vida, só lixo! O pior é que a idéia pegou… afinal é mais fácil jogar o esgoto sem tratamento no mar, à distância, que gastar milhões com o tratamento… sobra mais prá eles roubarem!

Daí a idéia se espalhou… criaram o da Barra, de Jurujuba… e os demais estados da federação, querendo também se livrarem de seu esgoto de forma “fácil”, também acabaram aderindo a idéia porca dos emissários… e quem paga? O nosso meio ambiente. Se me virem algum dia, tomando banho de mar em Copacabana, Urca, Ipanema ou Leblon, me internem! Se você toma banho de mar nessas prais… parabéns! Deve adorar comer bosta!

(do G1)

Vinte e três tartarugas marinhas apareceram em dois dias, em Porto Seguro, na
região sul da Bahia. São sete animais considerados jovens e 16 filhotes. Eles
começaram a aparecer na terça-feira (26) ao longo de 15 Km de praia e os últimos
animais foram encontrados na quarta (27). Os 16 filhotes encontrados são da
espécie tartaruga-de-pente e nove deles já foram devolvidos mar.

Segundo o órgão de assistência ambiental PAT Ecosmar, os outros animais estão
magros, debilitados e não conseguem mergulhar, o que impossibilita que eles se
alimentem normalmente.

A suspeita é de que eles sofram de doenças respiratórias e de presença do
lixo no estômago e no intestino. Correntes marinhas com águas mais frias podem
também causar choque térmico nas espécies. Eles estão recebendo cuidados
veterinários e serão soltos no mar assim que recuperarem a saúde.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Add a Facebook Comment

Deixe uma resposta