Tartaruga ganha prótese de rodinhas no lugar de pata amputada

Lindo o caso… todo animal tem direito a uma vida descente! Quem dera todos os humanos fossem tão “humanos” assim!

 

(do R7)

Saiba como está sendo a recuperação da paciente, que já tem 12 anos

 

Uma tartaruga ganhou uma prótese com rodas para substituir uma das pernas. Ela tem 12 anos e precisou ter uma das patas amputadas após um acidente.

A iniciativa partiu de cientistas de uma universidade em Washington, nos Estados Unidos. O animal corria o risco de morrer, segundo seu dono.

Após a implantação da prótese, a tartaruga tem se recuperado de forma impressionante, afirmam os veterinários que trataram dela.

REPRESENTAÇÃO DE DEFENSORES NO MP…SEPDA TERÁ QUE SE EXPLICAR!

HOJE DEI ENTRADA NO MINISTÉRIO PÚBLICO ESTADUAL (TUTELA COLETIVA DE MEIO AMBIENTE), DEVIDAMENTE PROTOCOLADA, REPRESENTAÇÃO AMPARADA POR MIM E MAIS UM GRUPO DE 10 PROTETORES INDEPENDENTES, SOLICITANDO APURAÇÃO DE DENÚNCIAS CONTRA A SEPDA.

Agora  (em alusão a proteção animal), é que a PORCA vai torcer o rabo!

Acompanhe abaixo todo o teor da representação e fique por dentro de tudo o que queremos que o Ministério Público Estadual apure. Chega de IMPUNIDADE! CHEGA DE CABIDES DE EMPREGO! CHEGA DE DESCULPAS ESFARRAPADAS!

Nos, que no dia a dia Promovemos e Defendemos VERDADEIRAMENTE os animais de nosso Município, Estado, Federação, NÃO AGUENTAMOS MAIS FAZER O PAPÉL QUE DEVERIA SER DO GOVERNO!

Cabe a cada um de nós cobrar do Ministério Público o acompanhamento e providências referentes a essa representação.

Parabéns ao grupo de protetores independentes que motivaram e apoiam diretamente essa representação… já era hora dessa sujeirada vir a público, e ser apurada por autoridades competentes.

 

ATENÇÃO: Você também pode demonstrar que apoia essa representação, entrando em contato com a ouvidoria do Ministério Público, pedindo ação nas apurações descriminadas na representação. É rápido e funciona!

LEIA AGORA A REPRESENTAÇÃO

EXCELENTÍSSIMA SENHORA PROMOTORA DE JUSTIÇA DE TUTELA COLETIVA DO MEIO AMBIENTE DA CAPITAL ROSANI DA CUNHA GOMES

 

FABIANO ANTONIO VIVALDI JACOB, brasileiro, comerciante, divorciado, portador da Identidade nº XXXXXXXX, residente na cidade do Rio de Janeiro, à Rua XXXXXXXXXXX – Ilha do Governador vem, mui respeitosamente, relatar os seguintes fatos graves que ensejam a atuação e providências emergenciais do Ministério Público:

No início do mês de Junho de 2009, ao tomar posse como secretário Especial de Promoção e Defesa dos Animais, (doravante chamada SEPDA) do município do Rio de Janeiro, o Sr. Luiz Gonzaga da Costa Leite promoveu um encontro para o qual foram convidados membros representantes de Organizações de proteção animal do terceiro setor, bem como diversos protetores independentes. Tal encontro tinha a intenção de firmar compromissos de trabalho dessa secretaria especial com a proteção animal atuante na cidade do Rio de Janeiro.

Um dos compromissos desse encontro seria referente à castração gratuita promovida pela SEPDA. Ficou acertado o número de 13 marcações para cada protetor presente ao encontro, sendo que essa marcação JAMAIS foi respeitada, quando muito, se consegue 1 ou 2 animais a serem castrados. Não fosse esse problema sério, relatamos aquele que motivou a atual representação:

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS PARA OS ANIMAIS DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO

Ainda durante esse encontro foi anunciada a criação e inauguração do Laboratório de Análises Clínicas para Animais desse Município. Tal projeto seria inovador e de um benefício sem igual para animais abandonados que, na data (e atualmente) contam exclusivamente com o apoio de protetores da sociedade civil organizada que, às suas próprias expensas, os resgatam, reabilitam e proporcionam abrigo. Os valores gastos com análises clínicas são enormes e saem dos bolsos de pessoas abnegadas que, ou gastam de suas próprias fontes de renda, ou contam com campanhas de arrecadação de fundos, promovidas pela mesma sociedade civil, sem qualquer apoio do Governo Municipal, Estadual ou Federal.

A notícia da criação desse laboratório foi recebida com felicidade e mostrava-se como um indício de que, finalmente a sociedade civil poderia contar com a ajuda governamental e de que, também finalmente, a SEPDA começaria efetivamente a realizar o papel para o qual teria sido criada. A inauguração nos foi prometida para 2 meses após a reunião.

Ainda no ano de 2009, durante nova reunião no mês de Outubro, como o prometido Laboratório não havia sido inaugurado, os protetores presentes a esse novo evento cobraram as razões para o atraso da inauguração desse dispositivo que seria de tanta ajuda. Mais uma vez, o Secretário, Sr. Luiz Gonzaga, sem maiores explicações, informou que seriam necessários mais 3 meses para o início do funcionamento da estrutura.

Pois bem, lá se vão mais de 2 anos e, até o momento, essa estrutura não foi inaugurada, sequer nos foi apresentada sua existência física. Mas o pior se apresenta agora:

Na data de 30/06/2011 , os protetores independentes e as ONG´S de proteção animal do município, compareceram a uma audiência pública na câmara dos vereadores, onde mais uma vez o Sr. Luiz Gonzaga foi questionado sobre o prometido Laboratório de Análises, repetidamente fugindo ao assunto, não respondendo, até que o vereador Ferraz, tomando a frente à fala do Secretário, que ao ser questionado sobre todo o material que existia com o conhecimento dos protetores, receberam em resposta, algo como:

“Não se preocupem, esse material vai aparecer na clínica que estou inaugurando no Méier!”

Se não foram exatamente essas as palavras, as exatas podem ser atestadas com a cópia da gravação da sessão, junto a TV CÂMARA. Solicitamos a mesma, mas não nos foi entregue.

Toda a proteção animal Carioca encontra-se indignada com essa afirmativa, visto que o material para o laboratório de análises foi adquirido com verba da PREFEITURA, não cabendo ao referido vereador, ademais de sua amizade com o Prefeito Eduardo Paes, apropriar-se do mesmo para finalidades assistencialistas de projetos ligados a ações eleitorais.

Mais uma vez a SEPDA mostra-se como “moeda de troca” nas mãos de governantes que, aproveitando-se de suas posições utilizam uma ferramenta que deveria beneficiar nossos animais, mas ao invés disso beneficia acordos políticos e eleitoreiros.

Cabe ainda ressalva na presente representação, aos seguintes fatos:

1-      A Fazenda Modelo (estrutura da SEPDA),  criada para ser um amparo decente para os animais de nossa cidade, não recolhe animais em abandono, jogando essa responsabilidade ao CCZ,  e até animais que ficam em suas cercanias são alimentados pela vizinhança.

 

2-      Os animais recolhidos pelo CCZ e abrigados na Fazenda Modelo, que lá estão para justificar a verba recebida pela prefeitura, comprovadamente por uma comissão de protetores que lá estiveram, encontram-se infestados de carrapatos, só se alimentam uma vez por dia e com uma ração de péssima qualidade, apresentam problemas diversos de saúde e dormem diretamente sobre o cimento em um chão úmido e no local que, mesmo no verão é extremamente frio.

 

3-      Animais com cinomose e outras doenças fatais são colocados em uma mesma ala de animais sadios e onde também se encontram filhotes promovendo o contágio desses animais saudáveis.

Face ao exposto, considerando que os fatos acima narrados caracterizam em tese diversos crimes, mui respeitosamente, requer-se a Excelentíssima Senhora Promotora de Justiça que sejam devidamente investigados, dirimindo as seguintes suspeitas de minha pessoa, bem como de um grande número de protetores sobre os seguintes temas:

 

1-      Utilização indevida do material anteriormente adquirido para Laboratório de Análises Clínicas da SEPDA em clínica particular do Vereador Ferraz, conforme sua própria afirmativa.

 

2-      Discriminação da verba da SEPDA, bem como sua utilização, já que nós, contribuintes desconhecemos como essa verba vem sendo utilizada.

 

3-      Averiguação das condições da Fazenda Modelo no que tange a saúde e bem estar dos animais ali alocados, bem como as razões parar existência de diversos espaços vazios que poderiam acolher animais, sendo essa responsabilidade repassada a nós, protetores da sociedade civil.

 

Certos de sua atenção ao caso e colocando-nos à disposição para dirimir quaisquer dúvidas no andamento das investigações,

Respeitosamente amparam essa denúncia:

1) INÊS DE LIMA VIEIRA- ID: XXXXXXXXXX (IFP) – CPF: XXXXXXXXXX

tel: (21) XXXXXXXXXXX

 

2) FERNANDA COMETTE BRANDÃO CUNHA- ID: XXXXXXXXXXX ( ) cpf: XXXXXXXXX

tel: (21) XXXXXXXXX

 

3) RONALDO DE MATOS SANTOS- ID: xxxxxxxxxxxx (IFP) – CPF:xxxxxxxxxxx

TEL:xxxxxxxxxxxx

 

4) ANGELA MARCIA HERMANN DE NOVAES- ID: XXXXXXXX (DETRAN)- CPF:XXXXXXXX

TEL: (21)XXXXXXXXX

 

5) FÁTIMA DA COSTA CASTANHEIRA – ID: XXXXXXXXXX (IFP) – CPF: XXXXXXXXXXX

TEL: (21) XXXXXXXXXX

 

6) ELIANA CARRASCO PIMENTA – ID: XXXXXXXXXXX (SSPMA) – CPF: XXXXXXXXXX

TEL: (21) XXXXXXXX

 

7)MARCO ANTONIO SARNELLI VIEIRA MARINHO- ID: XXXXXXXX (IFP)- CPF:XXXXXXXX

TEL; (21) XXXXXXXXXXXXX

 

 

Rio de Janeiro, 20 de Julho de 2011

 

 

___________________________________________

Fabiano Antonio Vivaldi Jacob

IFP XXXXXXXXXX

Tel: XXXXXXXXX

 

VERGONHA! SEPDA FOGE DE DEBATE NA TV CÂMARA

Pois é pessoal,

 

Mais uma vez a administração da SEPDA (Secretaria de Promoção e defesa dos Animais do Município do RJ) mostrou sua real face: A VERGONHOSA FACE DO DESCASO, DA COVARDIA E DA INCOMPETÊNCIA!

Sim, na segunda feira fui convidado pela TV Câmara para um debate, na forma de mesa redonda sobre POLÍTICAS PÚBLICAS PARA ANIMAIS NO RIO DE JANEIRO… como se houvesse alguma aqui na nossa cidade!

Saí super esperançoso, afinal teria a oportunidade de apresentar não só problemas, mas também soluções. Uma forma de utilização efetiva de políticas Públicas para nosso município… mas… sem maiores avisos, apenas 30 minutos antes do horário marcado, a SEPDA enviou recado dizendo que não poderia enviar qualquer representante a esse encontro!

Uma secretaria que possui 1 secretário, 2 subsecretários, mas afirma não ter verba para cuidar de seu objetivo principal…e não tem sequer 1 representante para comparecer? Então, se não tem verba, em que seus representantes estariam ocupados? A verdade: COVARDIA, FALTA DE VERGONHA NA CARA, IMPROBIDADE…

Como contribuinte, mais uma vez me sinto ROUBADO com um secretaria que possui verba de mais de 2 milhões, que paga 12000,00 a um secretário que é ex-sogro do Aécio Neves e que nunca teve qualquer experiência politico-administrativa, tão pouco algo ligado a animais… e mais 9000,00 a cada um dos 2 subsecretário e, por ser um CABIDE DE EMPREGOS, jogar a responsabilidade do bem estar dos animais em cidadãos preocupados e sem nenhum apoio governamental, que têm de gastar o que tem (e normalmente o que não tem) pelo bem dos animais cariocas. Se não tem “verba” acaba com a secretaria e doa a “verba” a quem realmente faz. Ong’s e protetores independentes, esses que fazem o verdadeiro trabalho, tendo que estender seus pires em mendicância em nome desses seres inocentes.

Sou frontalmente pelo fim da SEPDA, uma secretaria que nasceu errada, continua errada e é uma VERGONHA NACIONAL, quando poderia ser uma iniciativa ÚNICA para a proteção animal no Brasil!

 

Relato do Encontro de Direito Animal de Queimados

Então pessoal,

No último dia 19/07, sob a brilhante organização da amiga Amélia Silva, aconteceu o Encontro de Direito Animal do Município de Queimados.

Para esse encontro, foram convidadas as autoridades do Executivo da Cidade mas, sem surpresa, NENHUMA dessas autoridades (Prefeito, vice, secretários municipais) compareceram. Afinal, sempre é mais fácil FUGIR às responsabilidades que encará-las de frente, ao menos para nossa classe política.

Também foram convidados comerciantes da cidade e autoridades diretamente ligadas a questão animal. O encontro aconteceu no 24º BPM-RJ e, se posso classificar o encontro em uma palavra ela seria SUCESSO!

Amélia, presidente Pró-Vida Animal

Começamos com a brilhante explanação dos problemas da Cidade, feita pela

Presidente e fundadora da Pró-Vida Animal, Amélia Silva que, através de imagens e comentários, emocionou a todos com o trabalho abnegado e competente (mais uma vez substituindo responsabilidades que seriam da administração municipal) no salvamento, reabilitação e adoção de animais abandonados. Também explanou sobre o sério problema dos carroceiros da cidade, algo que acompanhamos com preocupação em todos os municípios Fluminenses e particularmente na Baixada Fluminense e Zona Oeste do Município do Rio de Janeiro.

Logo depois, tive o prazer de acompanhar uma breve exposição e o total compromisso de apoio do Capitão Leonardo da Silveira, representando o comando do 24º BPM, batalhão esse que tem dado TODO o apoio ao trabalho da Pró-Vida Animal!

Fiquei encantado com o trabalho do Projeto NINO, espetacularmente exposto pela amiga Shirley Gomes, terapeuta em cinoterapia. O Projeto visa expansão do trabalho e possibilita atuação de forma interdisciplinar, pois crianças especiais necessitam de profissionais de diversas áreas, como por exemplo, além do Fisioterapeuta e Veterinário, é fundamental a inserção de outros profissionais como fonoaudiólogo, psicólogo, neuropediatra, psicomotricista, odontopediatra, etc. Um trabalho emocionante, de reconstrução de vidas com o apoio de animais… aprendi MUITO com essa palestra e fiquei apaixonado pelo trabalho! Longa vida ao projeto NINO.

Tinha chegado a minha vez… explanei sobre os problemas relacionados a questão animais silvestres e o tráfico de animais aliando-se aos demais ilícitos, falei sobre a questão do abandono e do compercio ilegal de animais domésticos e finalizei expondo a questão de nossos oceanos e particularmente sobre a importância da cultura política na questão animal.

Tive o prazer de reencontrar a Dra. Juliana Emerique de Amorim, atual titular da DP de Queimados e, ex titular da DPMA, com quem tive o PRAZER de trabalhar por 2 anos, com os melhores resultados na questão animal de todos os tempos no Estado do Rio de janeiro. Acompanhamos a bela explanação sobre a questão legal e a fragilidade da Lei de Crimes Ambientais e, posteriormente, ouvimos com alegria o compromisso da Delegada em combater todas as formas de crime ambiental em Queimados… o que, aliás, não esperávamos nada de diferente.

Ao final, após recebermos o carinhoso certificado de AMIGOS DOS ANIMAIS DE QUEIMADOS, um farto lanche, deliciosamente preparado pela Amélia para os convidados.

_

Que esse seja o primeiro de muitos encontros. Como eu disse, nossa maior arma contra a IGNORÂNCIA na questão animal é a EDUCAÇÃO, e isso se consegue com esse tipo de iniciativa!

Com certeza o Pró-Vida Animal e sua presidente Amélia são AMIGOS DE ATITUDE ANIMAL!

PRF aborda acidente e descobre aves silvestres escondidas em porta malas

Cansado desse tipo de notícia! Biopirataria, tráfico de animais… quantas vidas perdidas!

(do G1)

Apreensão aconteceu na madrugada desta sexta (15), em Ponta Grossa
(PR).
Dos 961 aves que estavam no porta malas, 141 estavam
mortas.

Uma abordagem realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em um acidente,
resultou na apreensão de 961 aves silvestres, na BR-376, em Ponta Grossa, região
dos Campos Gerais. A aprensão aconteceu por volta da 1h desta sexta-feira (15).
De acordo com as informações dos policiais, o carro teria batido na traseira de
um caminhão.

As aves, que seriam levadas para São Paulo, estavam escondidas dentro do
porta malas do carro e não apresentavam registro do Ibama. 141 pássaros estavam
mortos.

Entre as espécies apreendidas estão 754 pintassilgos, 140 trinca-ferros, 28
azulões, 25 canários-terra, nove sangue-de-boi, três bico-de-pimenta, um chechel
e uma gralha-azul.

O condutor do carro teve ferimentos leves e foi encaminhado ao hospital. Ele
vai prestar depoimento junto à Polícia Ambiental por transportar as aves sem
autorização, o que pode caracterizar o crime de tráfico de pássaros.

Curso de Salvamento de Animais Marinhos em Derrames de Petróleo no Rio de Janeiro

Eu já fiz, recomendo e afirmo: É SHOW!

Já estão abertas as inscrições no site www.seashepherd.org.br
Curso de Salvamento de Animais Marinhos em Derrames de Petróleo no Rio de Janeiro, com o Biólogo Wendell Estol – Diretor Geral do Instituto Sea Shepherd Brasil
Datas: Dias 20 e 21 de agosto de 2011 – Horário: Das 09:00 às 18:00 hs
Local: Clube de Regatas Guanabara – Praia de Botafogo
Investimento: R$ 200,00 ( à vista ou parcelado em 10 x )
Obs.: O curso oferece Certificado e Apostila em CD
Maiores informações: E-mail: contatorj@seashepherd.org.br

Nós não falamos em salvar os oceanos, nós o fazemos ! Junte-se a nós !

Chinesas levam cachorros para praticar ‘ioga canino’ em academia

Bem melhor que comê-los, não é?

Ao menos tem quem, na China, respeite os cães!

(do g1)

Academia oferece o ‘doga’, nova prática do ioga voltada para os ‘dogs’.
Donas ajudam os cães e também se exercitam em diferentes posições.

Uma academia de Hong Kong, na China, inovou ao oferecer a prática de 'doga', uma modalidade de ioga voltada para cachorros. (Foto: Kin Cheung/AP)
Uma academia de Hong Kong, na China, inovou ao
oferecer a prática de ‘doga’, uma modalidade de ioga
voltada para cachorros (Foto: Kin Cheung/AP)
Os donos ou donas também se exercitam e ajudam os animais a realizarem as posições corretamente, com a ajuda da instrutora Suzette Ackermann, ao centro na foto superior esquerda. (Foto: Kin Cheung/AP)
Os donos ou donas também se exercitam e ajudam
os animais a realizarem as posições corretamente,
com a ajuda da instrutora Suzette Ackermann
ao centro na foto superior esquerda)
(Fotos: Kin Cheung/AP)
A praticante Oksana Maxwell ajuda seu cão em um alongamento durante o treinamento, fotografado nesta quinta-feira (14) (Foto: Kin Cheung/AP)
A praticante Oksana Maxwell ajuda seu cão em um
alongamento durante o treinamento, fotografado
nesta quinta-feira (14) (Foto: Kin Cheung/AP)

Gato sobrevive a queda de 20 andares nos EUA

Éum avião? É um pássaro? Não, é o Gloucester, o Super Gato!

Caiu de 20 andares e tá inteiro!

(do G1)

Acidente ocorreu em Nova York.
Apesar do susto, felino passa bem.

Um gato sobreviveu a uma queda de 20 andares em Nova York (EUA). O felino chamado “Gloucester”, de 16 anos de idade, caiu quando caminhava na janela. A cena foi flagrada pelo filho de quatro anos de Miranda Schubert, de 47 anos.

Miranda Schubert com o gato 'Gloucester', que sobreviveu a uma queda de 20 andares. (Foto: James Ambler/Barcroft USA/Getty Images)
Miranda Schubert com o gato ‘Gloucester’, que sobreviveu
a uma queda de 20 andares.
(Foto: James Ambler/Barcroft USA/Getty Images)

Miranda disse que ficou em pânico quando o filho Gregory disse que o gato tinha caído da janela. A dona levou o animal a uma clínica veterinária, onde os veterinários colocaram um tubo de alimentação para ajudá-lo a comer.

Veterinários colocaram um tubo de alimentação para ajudar 'Gloucester' a comer. (Foto: James Ambler/Barcroft USA/Getty Images)
Veterinários colocaram um tubo de alimentação para ajudar
‘Gloucester’ a comer.
(Foto: James Ambler/Barcroft USA/Getty Images)