Operação do Ibama retira animais do zoológico de Niterói, no RJ

Como é doce a vitória dos JUSTOS. Finalmente aquele campo de concentração, “sumiço” de animais e maus tratos será definitivamente fechado! O Jimmy finalmente se livra das barras de uma jaula!

Para quem não lembra de minhas denpuncias sobre o Zoo Nit, basta procurar aqui no site.

Não é todo dia que vemos a justiça ser feita nesse país. Para muitos a data de 13/07/2011 não vai significar nada, para mim, jamais será esquecida!

Mais ainda sofro pelos animais domésticos do local e pelos pobres animais que ficam na fazendinha!

(do G1)

Chimpanzé Jimmy está entre os 42 animais removidos nesta quarta (13).
Só restarão no zoológico animais domésticos e da fazendinha.

 

Chimpanzé Jimmy (Foto: Pablo Jacob/Agência O Globo)C
himpanzé Jimmy será levado para santuário
em Sorocaba (Foto: Pablo Jacob/Agência O Globo)

Por determinação judicial, o Ibama deu início, na manhã desta quarta-feira
(13), à retirada de todos os animais silvestres do zoológico de Niterói
(Zoonit), na Região Metropolitana do Rio. De acordo com o chefe da Divisão de
Proteção Ambiental do Ibama, Márcio Urselino, serão removidos 42 animais de
médio e grande porte, como o chimpanzé
Jimmy, que se transformou numa espécie de símbolo do zoológico.

A administradora do Zoonit, Giselda Candiotto lamentou a atitute de Ibama.
Segundo ela, o instituto está se baseando num Termo
de Ajustamento de Conduta (TAC), que já não vale mais. Na tarde desta
quarta-feira (13), ela vai se reunir com vereadores na Câmara de Niterói. A
Câmara e a prefeitura de Niterói devem assumir a gestão do parque.

Só ficarão os animais domésticos
Por uma questão de
estrutura logística, alguns poucos animais silvestres ainda permanecerão no
espaço, segundo Urselino. São bichos que necessitam de uma estrutura especial
para a remoção. Além dessas espécies, apenas os animais domésticos, como cães e
gatos, e os que compõem a fazendinha ficarão no Zoonit.

“Estamos cumprindo uma decisão judicial, já que não foram feitas as
adequações necessárias para abrigar os animais silvestres. Não cabe ao Ibama
decidir o fechamento do zoológico, que é um local público. Mas temos como
atribuição fiscalizar para que os animais silvestres, alguns inclusive, em
extinção, recebam os cuidados necessários e fiquem em recintos adequados”,
destacou Urselino.

Além do chimpanzé Jimmy, estão sendo retirados macacos-prego e aves. Segundo
Urselino, o chimpanzé e os outros macacos serão levados para o Santuário dos
Primatas, em Sorocaba, em São Paulo. As aves serão levadas para outros
zoológicos do Rio.

Além de técnicos do Ibama, participam da operação a Polícia Federal, o
Batalhão Florestal e de Meio Ambiente (BFMA) e a Advocagia Geral da União.

Desde outubro de 2010, depois de observar a falta de condições dos recintos, o Ibama
começou a fazer a transferência dos animais, que foram enviados para
instituições no Rio, em Volta Redonda, no Sul Fluminense, e em Brasília.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Add a Facebook Comment

Uma resposta para Operação do Ibama retira animais do zoológico de Niterói, no RJ

  1. DBARROS diz:

    Parabéns por sua coragem em denunciar. Deu sua cara para tapas em se intimidar. Teve atitude e força para por a boca no trombone e divulgar as informações, mesmo o Zoonit aparecendo na mídia como “referência” no tratamento de animais silvestres, você sabendo que não era bem isto, fez muito bem o seu papel fiscalizando, denunciando e cobrando das autoridades providências.
    Basta agora saber o destino dos animais que “sumiram” do Zoonit, confirmar se foram vendidos e quem embolsou a grana, sim por que é mais do que sabido que a venda de animais silvestres é super rentável, quem embolsou teve estar agora com apê na Barra e carro do ano. Agora o que mais dói é saber que os “profissionais” que deveriam cuidar dos animais do Zoonit , na verdade os estavam vendendo e o que não tinham valor comercial, não tinham o tratamento adequado, salvo os que eram foco da mídia.
    Mais graças a pessoas como você FABIANO a maldade teve fim e a verdade apareceu, mais ainda falta mais fatos a virem a tona com certeza.

Deixe uma resposta