Morre cadela atingida por 40 tiros e enterrada viva

Morreu a heroína STAR. Complicações de uma inflamação no pâncreas levou a lutadora que, apesar de baleada e enterrada viva, conseguiu sobreviver durante um bom tempo. O pior é que os assassinos jamais serão descobertos!

(do R7)

Saiba o que pôs fim à luta da fêmea, que recebeu o apelido de Star

 
Reprodução/The Sun
Reprodução/The Sun

Esta foto, do momento em que a cadela Star foi encontrada com apenas parte do focinho para fora da terra, em Malta, emocionou o mundo todo; cadela não sobreviveu a uma inflamação no pâncreas

Depois de surpreender e de emocionar o mundo todo com seu instinto de sobrevivência, ao sobreviver a 40 tiros na cabeça e ao fato de ter sido enterrada viva, a cadela Star morreu em Malta.

Entenda o drama da cachorrinha Star

As informações, publicadas nesta segunda-feira (6), são do site do jornal britânico The Sun.

Apesar de os veterinários estarem confiantes em sua recuperação, Star não resistiu a uma inflamação aguda no pâncreas.

Ela havia acabado de se mudar para a casa de uma família que, ao conhecer seu drama, entrou na fila de interessados em adotá-la.

Pouco tempo depois de ganhar uma casa e donos novos, Star adoeceu e precisou voltar para a clínica veterinária para onde havia sido encaminhada logo que foi resgatada da cova.

A violência a que a cadela foi submetida, na cidade de Birzebbuga, localizada na ilha europeia de Malta, deixou milhares de pessoas indignadas.

Milhares participaram de uma busca pelo responsável pelos maus-tratos na internet. Outros tantos endossaram um abaixo-assinado para arrecadar fundos para pagar o tratamento de Star.

Segundo o periódico britânico, o autor da violência continua desaparecido.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Add a Facebook Comment

Deixe uma resposta