PM apreende 17 pássaros silvestres em feira na Zona Oeste do Rio

Só prá variar… NINGUÉM FOI PRESO!

E as feiras continual, e o pessoal continua enxugando gelo! Algum dia isso acaba… os próprios feirantes corretos deveriam coibir esses pilantras de venderem animais em suas feiras…

Já que a Lei não resolve, se algum dia um desses pilantras tomar um “couro” dos feirantes, nunca mais aparece ninguém prá vender ou comprar. Ou então, cancela a autorização das feiras!

Só prá lembrar… só tem a venda porque alguém quer comprar!

(do G1)

Segundo a PM, as aves eram comercializadas ilegalmente.
Os responsáveis pelos pássaros não foram encontrados.

Policiais militares do Batalhão de Polícia Florestal e do Meio Ambiente (BPFMA) apreenderam, neste domingo (22), 17 pássaros silvestres em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. As informações foram confirmadas pela Polícia Militar. Segundo a PM, as aves eram comercializadas ilegalmente numa feira livre. Ninguém foi preso.

Pássaros foram apreendidos em feira libre, em Campo Grande (Foto: Divulgação / Polícia Militar)
Pássaros foram apreendidos em feira livre, em Campo Grande
(Foto: Divulgação / Polícia Militar)

A apreensão aconteceu após denúncias anônimas. De acordo com a polícia, os PMs patrulhavam a região, quando flagraram o crime. Os responsáveis pelos pássaros não foram encontrados. As aves foram levadas para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), em Seropédica, na Região Metropolitana. O caso foi registrado na 35ª DP (Campo Grande).

Detido em flagrante

Na última quarta-feira (18), um homem foi detido em flagrante com 32 pássaros silvestres dentro de casa, em Realengo, também na Zona Oeste do Rio de Janeiro. As informações foram confirmadas pela Polícia Civil. Segundo a polícia, além das aves, os agentes da 33ª DP (Realengo) encontraram dois filhotes de tartaruga e um papagaio.

A operação aconteceu à tarde na Rua Ubaldo de Oliveira. De acordo com a denúncia, os animais – mantidos em cativeiro – eram vítimas de maus- tratos. O dono da casa não tinha autorização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), informou a polícia. Entre os pássaros encontrados no local, estão canários, melro, azulão e trinca-ferro.

Segundo os agentes, o suspeito foi conduzido até a unidade policial e autuado por crime ambiental. Ele foi liberado depois de assumir o compromisso de se apresentar em Juízo. Os pássaros foram levados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) em Seropédica, na Baixada Fluminense, onde ficaram a disposição do Ibama.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Add a Facebook Comment

Deixe uma resposta