Comissão de cientistas elege as dez principais novas espécies de 2010

Pois é… no ano de 2010 da era vulgar ainda conseguimos descobrir mais de 10 novas espécieis… e quantas será que levamos a extinção???

(do G1)

Instituto da Universidade do Arizona coordenou composição do ranking.
Fungo bioluminescente descoberto no Brasil integra a lista.

Ranking elaborado por uma comissão de cientistas liderada pela Universidade do Arizona, nos Estados Unidos, lista as 10 principais descobertas de espécies ocorridas em 2010.

O anúncio feito nesta segunda-feira (23) por membros do Instituto Internacional para Exploração das Espécies incluiu espécies de várias partes do mundo, inclusive do Brasil, onde pesquisadores da USP (Universidade de São Paulo) encontraram no ano passado fungos bioluminescentes (Mycena luxaeterna) na Mata Atlântica.

Veja galeria com imagens das espécies descobertas

cogumelo fluorescentes (Foto: Cassius V. Stevani/IQ-USP/Divulgação)
Fungos bioluminescentes encontrados na Mata Atlântica por
pesquisadores da Universidade de São Paulo entraram no ranking
das 10 melhores descobertas de 2010
(Foto: Cassius V. Stevani/IQ-USP/Divulgação)

Entre as ‘10 mais’ estão também uma sanguessuga com dentes grandes, uma bactéria que se alimenta de ferrugem (descoberta nos destroços do transatlântico Titanic, que naufragou em 1912) e um peixe-morcego no formato de panqueca.

Ainda no ranking estão uma espécie de barata saltadora, um lagarto monitor que consome frutas, um antílope africano, um grilo que poliniza uma orquídea rara, um cogumelo frutífero aquático e a maior e mais resistente teia de aranha.

grilo polinizador (Foto: Sylvain Hugel/Divulgação)
Grilo polinizador encontrado nas Ilhas Mascarenhas, no oceano
 Índico (Foto: Sylvain Hugel/Divulgação)
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Add a Facebook Comment

Deixe uma resposta